Nunca permita Gambiarras Elétricas

A sobrecarga de tomadas é comum: verifique sempre a voltagem e a amperagem*

Segundo pesquisas da Associação Brasileira de Conscientização de para os perigos da Eletricidade, morrem anualmente cerca de 600 pessoas vítimas de choques elétricos em acidentes registrados, estima-se que o número seja bem maior.

Em sua maioria, esses acidentes tem origem às gambiarras elétricas, e é facilmente detectado em boa parte dos condomínios e nas unidades habitacionais. Veja onde pode estar o perigo:

Gambiarras elétricas, suas consequências e soluções;

Fios que não estão fixos adequadamente

Quando a fiação fica solta e as extensões espalhadas nos diversos ambientes podem provocar acidentes: como quedas de pessoas ao topar com estes fios, choques e incêndios devido da carga excessiva. No condomínio devemos ter cuidado principalmente nas guaritas e nos ambientes reservados aos funcionários.

Como deve ser:

Toda fiação deve estar sempre dentro de conduítes ou caixas de luz, protegidos.

Tomadas com “T”

O cuidado ao utilizar “T” deve ser redobrado, pois os riscos de sobre carga e superaquecimento que pode acabar num incêndio. Este acessório vai utilizar a capacidade da tomada original.

Como deve ser:

Utilizar equipamento de baixa potência máxima (tv., rádio, abajur, etc.) jamais utilizar secadores de cabelo, micro-ondas, etc.

Outra dica é utilizar régua com dispositivo de desligamento, pois quando utilizado acima sua capacidade o fusível desliga a corrente de energia. Mas lembre-se você deve saber a potência de cada tomada, e se utilizar régua com 4 saídas, por exemplo, cada saída utilizará ¼ da capacidade.

Instalações exclusivas